Termogênicos

termogênicos mulher-fitness-loira-muscular-magra-termogenico-tanquinho-barriga-seca-gengibre-cha-verde-LETTERING
Hoje falaremos sobre o queridinho de quem busca uma barriga de tanquinho: o termogênico!
Quais são os alimentos termogênicos? Quais suplementos são termogênicos? Como eles reagem no corpo? Realmente secam a
barriga e queimam gordura?
Vamos nessa! Ahh, não se esqueçam de conferir no final do texto minhas dicas e receitas.

Emagrecer comendo. Alimentos termogênicos podem ajudar a alcançar a queima de gordura

Ao pensarmos em emagrecer, são duas opções que podemos escolher: reduzir a ingestão de caloria ou aumentar o gasto calórico. O que muitas pessoas não sabem é que podemos aumentar o gasto calórico comendo! Lógico que devemos nos atentar ao alimento que ingerimos e qual seu efeito em nosso organismo. E quando ingerimos um alimento termogênico, ocorrem mudanças fisiológicas em nosso corpo! Essas mudanças podem ocorrer a partir da ingestão de substâncias naturais ou substâncias produzidas a partir de certo componentes. Ambos tem o intuito de causar no corpo a termogênese, ou seja, produção de calor (aumento da temperatura interna).
A termogênese é um processo que acontece naturalmente em nosso corpo, e o processo que regula nossa temperatura e faz com que possamos produzir ou dispersar calor é
denominado de termorregulação.

mulher-fitness-feliz-magra-dieta-termogenica-gengibre-cha-verde-tanquinho

Os processos fisiológicos, de um modo geral, ocorrem com mais facilidade quando a temperatura interna do corpo estiver mais elevada.

 

O corpo vai consumir mais calorias e o organismo começa a procurar formas secundárias de energia, tais como a gordura, alcançando a “tão desejada barriga seca”. Esse fenômeno ocorre devido a termogênese fazer com que o metabolismo trabalhe de forma mais acelerada.
Para conseguir eliminar as toxinas e tentar manter a temperatura corporal e possível que esses queimadores poderosos de gordura provoquem sudorese e diurese. Sudorese (suor) mantém temperatura corporal, diurese (urina) elimina toxinas.
Quando a temperatura corporal interna começa a se elevar ocorre um processo chamado vasodilatação: os vasos sanguíneos aumentam e por eles passam mais sangue. Essa mudança fisiológica aumenta a troca de substâncias e nutrientes entre as células do corpo. Também aumenta a frequência cardíaca, fazendo com que acelere a circulação. Com os vasos dilatados o sangue encontra mais facilidade para circular, diminuindo assim a pressão nas artérias. Isso faz com que o coração aumente seus batimentos para que a pressão se mantenha estável.

Termogênese natural

Agora vamos conversar um pouco sobre a termogênese natural, que ocorre no dia a dia no nosso corpo! Ela é essencial para a nossa sobrevivência, pois trata-se do gasto energético necessário ao funcionamento de nossos sistemas e órgãos. Essa termogênese é responsável pelos processos fisiológicos que nos mantém assim, vivinhos da silva. Ex: respiração, circulação, digestão entre outros.
Isso significa que gastamos energia quando estamos parados. esse gasto é conhecido como gasto basal. Ou seja, o corpo vai precisar dessa energia diariamente para manter
todas as funções que nos mantém vivos em harmonia.

Dúvida: Qual a diferença entre termogênicos naturais e farmacêuticos?

Temos duas opções para iniciarmos a termogênese alimentar, pode ser por meio de alimentos naturais que temos em casa no dia a dia ou por termogênicos farmacêuticos
(sintéticos), que são aqueles que compramos em cápsulas com fórmulas prontas. Vamos falar um pouco sobre cada um a seguir.

Termogênicos Farmacêuticos

 

Quando a industria percebeu que alimentos poderiam causar benefícios ao corpo – como secar a barriga e diminuir a quantidade de gordura localizada – começou a produzir as mesmas substâncias em cápsulas. Geralmente essas cápsulas são a base de cafeína. Contudo, durante a produção, a indústria utiliza somente as substância que são interessantes para o efeito desejado, que é o emagrecimento. Isso faz com que tenha maior concentração, por isso o efeito é mais potente.
O que por um lado pode ser bom, obtendo efeitos mais potentes, por outro é um problema! Os termogênicos farmacêuticos (sintéticos) tem um revés que estão justamente na dosagem de cafeína ingerida. Cada fabricante coloca a indicação de uso no seu próprio rótulo. Porém, muitas pessoas querem potencializar seu uso, acreditando que irão aumentar o poder benéfico da substância. Isso acontece pois acreditam não ser problema consumir uma substância ‘natural’.
Quando se ingere mais do que a recomendação efeitos colaterais podem aparecer, tais como:
  • insônia;
  • dor de cabeça;
  • agitação;
  • falta de concentração;
  • entre outros.
Além disso, outra desvantagem é o preço de mercado desse produto. Não é um produto acessível para todos. Embalagens do produto podem variar de $50 a até mais de $300 reais.

Afinal, devo utilizar termogênicos sintéticos?

Se você tiver dinheiro a disposição e for correto ao seguir as instruções, os termogênicos sintéticos serão ótimos auxiliares no processo de secar a barriga e dar aquela queimada nos pneuzinhos que tanto incomodam.

Termogênico Natural

O primeiro ponto positivo dos termogênicos naturais é que não existe contraindicação. Isso já é fantástico. Afinal, priorizar alimentos naturais e de qualidade sempre é a melhor opção para nossa saúde.Para que apareça algum efeito colateral é necessário que se consuma uma quantidade absurda – raramente seria possível.
Encontramos vários tipo de alimentos com esse efeito tão desejado, tais como canela, todos os tipos de pimenta, chá verde, gengibre, vinagre de
maçã, guaraná (não o refrigerante minha gente!), chá verde e cafeína. Escolhemos falar sobre dois dos mais importantes e que trazem um bom efeito, a cafeína, o gengibre e o chá verde.
mulher-fitness-loira-muscular-magra-termogenico-tanquinho-barriga-seca-gengibre-cha-verde

Cafeína

A cafeína, como você já deve saber, é encontrada no café. O mesmo quando consumido sem adição de açúcar é um ótimo aliado no processo de perda de gordura, já que sua ingestão estimula a lipólise (quebra de gordura). Além disso, nos traz aquela disposição que irá ajudar na a prática de exercícios. Tudo isso porque a cafeína atua no sistema nervoso central como estimulante direto, por inibir a adenosina (substância que participa do sistema de ‘freio’ do cérebro). A diminuição da ação da adenosina deixa o cérebro em constante alerta, com mais atenção e concentração.

Gengibre

O gengibre é uma raiz tuberculosa muito usada tanto na culinária quanto na medicina. Para curiosidade, o gengibre não só é conhecido por ser um alimento termogênico que é
capaz de secar a barriga. Conta também com inúmeros efeitos terapêuticos. Ele tem ação bactericida, é desintoxicante, melhora sistema digestivo, respiratório e circulatório. Realmente um grande aliado em nossa dieta, não? É referência em problemas estomacais, pois combate enjoo, gases, má digestão e náuseas. Também auxilia na digestão de alimentos gordurosos e protege o fígado. Não é à toa que uma substância presente na raiz do gengibre é usada na fabricação de
medicamentos laxantes, antigases e antiácidos.

Hora da receita!

 

Shrubs de gengibre

Ingredientes:
  • 1/2 xícara de gengibre descascado e finamente ralado
  • 1 xícara de vinagre de maçã
  • 1/2 xícara de açúcar
  • Água com gás
Modo fazer:
Em uma panela pequena coloque o gengibre e o vinagre.
Leve ao fogo alto e assim que ferver, desligue passe os ingredientes para um pote de vidro.
Deixe esfriando, cubra e deixe em temperatura ambiente por 24 horas.
O líquido extraído deve medir aproximadamente 3/4 de xícara (caso não tenha atingido essa medida adicione um pouco de vinagre de maçã).
Coe e descarte o gengibre.
Transfira o líquido para uma panela pequena, misture açúcar ou seu adoçante favorito e leve ao fogo alto até ferver.
Assim que levantar fervura baixe o fogo e deixe por mais 2 a 3 minutos mexendo até que o açúcar se dissolva completamente.
Assim que estiver frio coloque em um vidro limpo, tampe e leve à geladeira até a hora de usar.
Na hora de servir coloque em um copo uma parte do xarope para quatro partes de água com gás, adicione gelo e sirva.
DICA: O açúcar pode ser substituído por Xilitol. O importante é a caramelização para virar um xarope. A quantidade é a mesma, já que os dois tem o mesmo poder de doçura.

Chá verde

O chá verde tem suas folhas colocadas sob vapor e depois, secas. Por conta disso, contém propriedades diferentes. Desta forma previne-se oxidação dos ingredientes e preservam-se os nutrientes. Sabe-se que ele é rico em flavonoides chamados catequinas, Eles são fitoquímicos responsáveis pela maior parte de suas propriedades relacionadas à saúde. Umas das catequinas mais presentes no chá verde, a epigalocatequina galato (EGCG), estimula diversas enzimas que controlam o metabolismo das gorduras, inclusive incentivando a quebra delas.
Não existe uma tabela nutricional oficial do chá verde, pois a variação de nutrientes na folha depende muito da forma como essa erva foi plantada, adubada e tratada.

Receitinha esperta pra ajudar no seu dia a dia

Almôndegas de Frango com Gengibre

Ingredientes:
  • ½ kg de peito frango moído
  • 2 colheres (sopa) de aveia em flocos
  • 2 colheres (sopa) de shoyo
  • 1 colher de (sopa) de amido de milho
  • 2 colheres (sopa) de salsinha
  • 2 colheres (chá) de gengibre fresco finamente picado
  • 1 dente de alho picado
  • Sal e pimenta moída na hora a gosto
Modo de fazer:
Preaqueça o forno e unte uma forma com azeite de oliva.
Em uma tigela, misture o frango, a aveia em flocos , o shoyu, o amido de milho, a salsinha, gengibre e o alho.
Tempere com sal e pimenta e misture bem.
Faça pequenas bolinhas em formato de almôndega.
Aqueça bem uma frigideira, coloque o óleo e as almôndegas de frango e refogue-as até ficarem douradas em todos os lados, mais ou menos por cinco
minutos.
Acomode as almôndegas sobre papel absorvente.
Coloque as almôndegas e leve-as ao forno pré aquecido em 180°C por mais 5 minutos.
Para finalizar, devemos prestar atenção em tudo o que consumimos. É bom lembrar como sempre reforçamos que sem uma dieta correta – prescrita pelo seu nutricionista de
confiança, com alimentos naturais e saudáveis.
E sem uma boa rotina de exercícios, os termogênicos não farão absolutamente nada a seu favor. Tudo se resume a uma colaboração mútua de fatores.
A conta é simples: uma dieta equilibrada resulta na ingestão de menos calorias. E o ritmo e frequência nos treinos provocam consumo maior de calorias. Quando essa equação é aliada a um termogênico acontece um consumo maior ainda de calorias. Resultado: diminuição de gordura!
tenis-de-corrida-treino-de-alta-intensidade-termogenico-emagrece-cha-verde-gengibre
Não fique empolgado achando que basta tomar umas cápsulas e pronto: estará perdendo
gordura. Seu efeito é um aliado de treino e dieta.
E você, tem costume de consumir esse alimentos no seu dia a dia? Sabia do poder deles
no auxilio da perda de peso? Da ajuda que ele dá pra sumir com aqueles pneuzinhos
indesejados? Conta pra gente se já usou algum termogênico farmacêutico e se seu uso foi
positivo!
To te aguardando semana que vem, um beijo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
Olá, quer fazer seu pedido?