Efeito platô na dieta, o que é? Como resolver? Quais as causas?

Efeito platô na dieta, o que é? Como resolver? Quais as causas? 1

Quem almeja a tão sonhada perda de peso, provavelmente deve saber ou já ter ouvido o que é o efeito platô. Neste artigo, mostrarei o que é, por que ele aparece e como superá-lo para que você possa continuar perdendo peso saudavelmente.

Afinal, o que é o tão famoso efeito platô? Quais são as causas de seu aparecimento?

O efeito platô nada mais é, que uma parada temporária na perda de peso. Ele ocorre entre 3 a 4 semanas após o início da dieta geralmente, mas também pode ocorrer se o processo de perda de peso for prolongado por vários meses. Os motivos para o efeito platô são em sua maioria, fisiológicos:

Ocorre a diminuição da taxa do metabolismo.

Ao transitar para uma dieta baixa em calorias, nosso corpo começa a queimar as reservas de gordura existentes, porém, pode causar um efeito não desejado, nosso cérebro pode julgar que estamos sem comida e mandar um sinal para retardar o metabolismo em um esforço para acumular um suprimento de gordura guardado para eventuais necessidades, fazendo assim a perda de peso ser suspensa.

Distúrbios hormonais.

Se mesmo você está seguindo a dieta, fazendo academia, mesmo assim notar que a perda de peso parou, sinto muito, mas é hora de visitar um médico. O motivo de você não estar emagrecendo pode estar atrelado a várias doenças: disfunção da glândula tireoide, resistência à insulina, diabete inicial. A descoberta no início te ajudará a ajustar o estilo de vida e a nutrição.

Erros cometidos.

Se após você ter ido ao médico, e mesmo não tendo nenhum problema de saúde que possa acarretar efeito platô, você precisará parar para analisar o seu cardápio. Os principais erros da perda de peso são:

Dieta extremamente baixa em calorias.

Uma dieta muito magra, após algum tempo, forçará o seu corpo a acumular alguns depósitos de gordura. A saúde geral está se deteriorando bastante, fazendo o processo de emagrecimento ser inibido.

Desequilíbrio de proteínas, gorduras e carboidratos, ocasionando distúrbios metabólicos.

Não beber água corretamente.

Para ter uma perda de peso com sucesso, você precisa beber pelo menos 1,5 a 2 litros de água por dia. Com a desidratação, a taxa de perda de peso diminui muito.

Ingerir embutidos e legumes transgênicos.

Eles interrompem o funcionamento do metabolismo lipídico e podem levar ao ganho de peso.

Se o efeito platô se arrastar e o peso se mantiver por 3 a 4 semanas, você precisará agir. Vamos começar listando o que você não deve fazer:

Mudar de dieta ou sistema de nutrição na esperança de que isso definitivamente “ajude”.
Reduzir drasticamente a ingestão de calorias ou passar fome o corpo logo perceberá a nova dieta e a marcará como uma deterioração dos padrões de vida e reduzirá ainda mais o metabolismo.

Entrar em pânico e deixar de tentar perder peso.

Na maioria das vezes, o efeito platô é necessário para o corpo estabilizar o peso. Durante esse período, o corpo se acostuma a um novo cardápio, não se preocupe e mantenha sua dieta.

O que devo fazer para voltar a perder peso?

Primeiramente tente descobrir as causas do efeito platô. Em primeiro lugar você deve visitar um médico e excluir possíveis doenças. Se o peso aumentou devido a seus próprios erros, usamos um destes métodos:

Mantenha um cardápio correto.

Tenha equilíbrio da dieta. Além das calorias, de acordo com especialistas, as proteínas devem representar 30 a 35% da dieta, e as gorduras 15 a 20%. Os 45 a 55% restantes são carboidratos, de preferência complexos.

Tire alguns dias para consumir itens detox.

Consuma itens detox por pelo menos 2 dias por semana. Nas proteínas (kefir, queijo cottage, frango), você pode remover o excesso de água do corpo. O consumo de frutas e vegetais ajudará a limpar bem o intestino. A atividade física nesses períodos deve ser reduzida.

Reduza os carboidratos

Tente sempre usar em seu favor as proteínas e gorduras e procure reduzir a quantidade de carboidratos ingeridos pelo menos duas vezes por semana. O efeito será rápido e visível, porque os carboidratos que retém o excesso de água no corpo e causa inchaço.

Mantenha uma janela alimentar correta.

Tente sempre manter uma janela alimentar correta, procure comer de 03 em 03 horas, em poucas quantidades, e troque uma refeição por um chá, uma vitamina ou até um suco detox, isso ajudará a equilibrar seu metabolismo com um ótimo funcionamento, e ocasionará em perda de peso.

Cálculo de calorias

Para que o metabolismo continue a funcionar bem, tente manter uma dieta bem calculada. Consuma um cardápio regado de frutas e vegetais, carnes magras e alimentos ricos em fibras.

Liberte-se por uma refeição.

Permita-se comer uma refeição errada por semana. Isso ajudará a aliviar o estresse psicológico e a superar calmamente o efeito platô da dieta, sem interrupções.

Evite ingerir refeições muito volumosas.

Especialmente à noite, pois, durante à noite nosso metabolismo tende a ficar mais lento, assim fazendo os nutrientes consumidos virarem gorduras corporais.

Faça sempre atividade física.

Procure fazer atividades físicas por pelo menos 02 dias na semana, isso te ajudará a se livrar do estresse de se seguir uma dieta, como também te auxiliará em uma perda de peso mais efetiva, comece devagar, pratique ioga, uma corrida ou tente alguma atividade que você goste, lembre-se o importante é se movimentar e estar feliz.

Se você está passando pelo efeito platô, tente não se pesar todos os dias para ficar mais nervoso. Pesar-se uma vez por semana é suficiente para controlar o peso.

Mude agora mesmo para uma nutrição adequada com os Kits da VipFood
As dietas da moda são sempre feitas com ideologias surreais e não proporcionam um efeito duradouro, além de poder ocasionar efeitos opostos ao desejado. O Hábito de manter um cardápio nutricional não apenas ajudará você a superar o efeito platô, mas também te a conseguir uma vida mais saudável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
Olá, quer fazer seu pedido?